Maternidade

Como se preparar para a volta da licença maternidade?

Escrito por Mammybelt

Algumas mães dizem que a volta da licença maternidade é muito mais dolorosa para elas do que para seus bebês e isso é muito verdadeiro. Além da dificuldade da separação momentânea, voltar para a antiga rotina é, no mínimo, angustiante.

A sensação é de que o coração está em um lugar e a mente em outra, afinal de contas, há pelo menos 4 meses a vida da mulher mudou por completo. Ela tem agora um serzinho que depende completamente dela e que é seu maior tesouro. Por outro lado, há sua carreira. 

Então, como lidar com esse momento? Como se organizar e ficar tranquila com o bebê sob os cuidados de outra pessoa? Temos dicas valiosas para compartilhar. Confira!

Saiba quais são seus direitos durante esse período

Primeiro ponto: verifique na empresa em que você trabalha quais são os benefícios extras oferecidos às mães, como creche no local do trabalho ou até mesmo algum convênio com um lugar específico.

Também é preciso verificar se ela participa do Programa Empresa Cidadã, que permite que a mãe aumente o período de licença por mais 60 dias em troca de benefícios fiscais.

Por Lei, a mãe tem um período de estabilidade que vai do primeiro dia da sua gravidez até 5 meses do nascimento da criança.

E também é um direito que ela faça 2 intervalos de 30 minutos para promover a amamentação até que o bebê complete 6 meses de vida. Tomou nota? Então vamos para a próxima dica.

Deixe a rotina organizada para a volta da licença maternidade

Se antes você acordava e ia para o trabalho, agora existem algumas etapas a mais nesse processo — aliás, no dia inteiro.

Nada desesperador, mas um bom planejamento da rotina pode deixar as coisas mais tranquilas e isso vai desde as tarefas da casa entre você e cônjuge até que roupa você vai vestir.

Tudo que facilitar a rotina, melhor. Roupas neutras, confortáveis e fáceis de combinar, por exemplo, podem poupar horas de arrumação.

Isso também vale para a compra do supermercado, dias de abastecer o carro e por aí vai. A palavra de ordem é: saiba otimizar seu tempo.

Escolha com antecedência quem cuidará do seu bebê

Essa é uma decisão que algumas mães tomam antes de engravidar porque envolve também uma questão de confiança. 

Seja para deixar com a avó, uma cuidadora ou na creche, é fundamental fazer essa escolha com antecedência para promover a adaptação antes do reinício da sua jornada profissional.

Visite escolas, entreviste algumas babás e, alguns dias antes de voltar ao trabalho, inicie uma adaptação para ficar em paz e fazer ajustes necessários na sua rotina e logística.

Planeje como será a alimentação do bebê

Algumas mães não conseguirão fazer as duas pausas para amamentação durante o dia e vão preferir sair uma hora mais cedo do trabalho. Porém, até esse horário, é preciso definir a alimentação do bebê.

É recomendado que até os 6 meses a amamentação seja exclusiva, por isso, fazer reservas de leite pode ser uma boa opção.

Alguns pediatras, no entanto, começam a introdução alimentar a partir dos 4 meses. Por isso, organize como será a alimentação do bebê — e a sua também, afinal de contas, além da energia extra para amamentar, você retornará a ter uma rotina intensa. 

Acalme seu coração e não se cobre demais

Relaxe, é natural que você sinta um conflito interno, que ache que seu bebê ainda é muito novinho para ficar longe da mãe ou que você se sinta completamente a parte do que está se passando no trabalho.

Mudanças sempre nos causam dúvidas e inseguranças e, a partir desse momento, sua vida e seu tempo estão sendo redistribuídos. Mas não seu amor.

Então, não se cobre demais e entenda que esse é um processo natural das coisas. E não se engane ou se sinta culpada, pois, para algumas mamães, a volta da licença maternidade é uma data aguardada e comemorada. Voltar a querer trilhar sua carreira não diminui seu amor de mãe, não é mesmo?

Então mergulhe nessa nova jornada e acompanhe nosso Facebook e Instagram sempre que precisar de boas dicas como essas, combinado?

Sobre o autor

Mammybelt

Deixar comentário.

Share This