Gestação

O que você precisa saber sobre gravidez de múltiplos? Aprenda agora!

Escrito por Mammybelt

Apesar da alegria imensa, o choque de ver dois (ou mais!) bebês no primeiro ultrassom pode tirar o sono da futura mãe. Quando a mulher passa por um tratamento de reprodução assistida, a gravidez de múltiplos é mais esperada, mas também não deixa de trazer certa ansiedade

Coloque nessa conta mais fraldas, mais peças para o enxoval e, é claro, mais preocupações durante a gestação. Mas fique tranquila! Como toda gravidez exige cuidados e acompanhamento, a de gêmeos apenas necessita de uma atenção extra. Saiba mais!

Cuidados especiais na gravidez de múltiplos

As mudanças no corpo da mulher são basicamente as mesmas em uma gravidez de múltiplos. No entanto, há uma necessidade maior de espaço e nutrientes, assim como alguns desconfortos a mais. Veja!

Preciso tomar suplementos?

Sim! É comum que a grávida precise tomar suplementos de ferro e multivitamínicos para se manter saudável com o desenvolvimento do bebê. Na gestação de gêmeos, os níveis de suplementação são maiores e englobam outros nutrientes, como cálcio e proteínas.

O pré-natal é diferente?

Sim! A natureza é perfeita e, provavelmente, os bebês se desenvolverão muito bem dividindo o útero materno. No entanto, é comum que o acompanhamento pré-natal seja um pouco mais cuidadoso na gravidez de múltiplos, com exames laboratoriais e ultrassons mais frequentes. Com a chegada da reta final, a frequência aumenta ainda mais. Afinal, o risco de parto prematuro precisa ser acompanhado de perto. Além disso, em alguns casos, o próprio médico pode decidir adiantar o parto, se for mais seguro para a mãe e os bebês.

Vou engordar muito?

Não! O ganho de peso na gravidez de múltiplos é maior, sim — variando de 10 a 18 quilos. Mas isso ocorre porque há um bebê a mais, assim como pode haver duas placentas, um volume maior de líquido amniótico e um pouco mais de inchaço no corpo materno. Ou seja, o retorno ao peso normal costuma ocorrer da mesma forma após o parto. 

Preciso manter repouso?

Não! Por conta do ganho de peso maior e da predisposição à hipertensão, que são aspectos comuns na gravidez gemelar, a futura mamãe pode ter algumas limitações a mais, mas o repouso só ocorre por indicação médica em casos de risco. Mas veja bem: se um bebê já ocupa espaço, imagine dois ou mais! O útero pressiona ainda mais o pulmão e o estômago e, como consequência, a gestante pode sentir mais falta de ar, indigestão e cansaço, o que limita um pouco atividades cotidianas.

Preparação do ninho para a chegada dos gêmeos

Em termos de planejamento para a casa, fique com aquela máxima do “onde come um, come dois” para não ficar excessivamente preocupada. Veja algumas dúvidas frequentes!

  • Enxoval em dobro? Não! As roupinhas não precisam ser em quantidade dobrada, até porque seus filhos não usarão tudo ao mesmo tempo. Tenha apenas uma quantidade a mais do que o enxoval de um único bebê para não passar apuros. No chá de bebê, o mais interessante é pedir fraldas.
  • Compras específicas? Sim! Invista em equipamentos e acessórios para facilitar o dia a dia com os gêmeos, como carrinhos de bebê e cadeirões duplos.
  • Dois quartinhos? Não precisa! Apenas compre um berço a mais e um guarda-roupa mais espaçoso — não há problema algum em ter os dois bebês no mesmo quarto;
  • Carro maior? Sim! Veja se o carro da família é espaçoso para comportar dois bebês-conforto. Se for o caso, providencie a troca antes da chegada dos pequenos.

Enfim, a gravidez de múltiplos tem suas particularidades e representa cuidados extras no pré-natal. Além disso, as restrições — e os incômodos típicos da gestação, como a dor nas costas — podem vir potencializados. Mas de modo geral, tudo pode ser muito tranquilo, saudável e com amor dobrado!

E você, está esperando quantos bebês? Tem alguma dica para mamães de gêmeos? Deixe nos comentários!

Sobre o autor

Mammybelt

Deixar comentário.

Share This